22 de jun de 2014

Cities of Vampires | Capitulo 4 |


Amanda p.o.v
A familia de Justin era legal, Pattie era uma mulher muito simpática, Jeremy apesar de parecer chato, era bem legal,  Amélia era divertida sentia que seriamos grandes amigas, e ela também por que confessou isso, Apenas Natan que até agora não havia falado nada, tinha uma curiosidade por saber como era sua voz, toda a hora que eu o encarava ele me olhava. Constrangedor, eu sei. 
- Então Amanda, por que motivos você quis vir para o século 14? - Jeremy perguntou, olhei para Justin que me olhou com um olhar de "eu já fale tudo para eles".
- Ah bem... Eu briguei com meus pais, e então eu vi uma estrela cadente, e pensei num pedido, e aqui estou eu. -falei sorrindo
- Você é uma bruxa? - Natan disse.  Sua voz era bonita, linda na verdade
- Natan- Pattie o repreendeu
- Todo mundo sabe que a estrela cadente só.... -ele foi interrompido
- Já chega, vamos dar uma volta Amanda? -Justin disse
- Mais...- fui interrompida
- Vão lá no jardim eu já vou lá falar com vocês -Amélia disse
Me levantei e percebi que Natan me encarava, droga eu queria saber o que ele iria falar. Caminhamos até o jardim em silêncio, sentamos num banco que ali tinha e ficamos por uns 2 minutos em silêncio.
- Então, por que me tirou de lá? - perguntei
- Natan é mentiroso Amanda, você não deve acreditar nas coisas que ele fala -ele me olhou
- Eu percebi que você não gosta muito dele. 
- Não, Eu não gosto dele -ele disse e fechou as mãos
- Por que? 
- Olha Amanda, eu não posso falar, só me prometa uma coisa? -ele perguntou
- O que?
- Que você vai ficar longe dele -me olhou- promete?
- Tudo bem -suspirei assustada. 
- Falando mal de mim maninho - Natan apareceu na nossa frente com um sorriso ironico nos lábios
- Não Natan, só estou explicando para Amanda o quão mentiroso e perigoso você pode ser - Justin retribuiu o mesmo sorriso ironico. Ok, vai rolar briga.
- Mentiroso e perigoso? -ele perguntou se aproximando- Desculpe por isso Amanda, ele apenas quis dizer o quão verdadeiro e lindo eu sou -pegou minha mão e depositou um beijo na mesma-
Ok. Ele estava conseguindo irritar Justin.
- Se afasta dela Natan. - Justin se levantou e falou
- Com todo prazer irmão - ele se afastou e se aproximou de Justin- só pare de mentir para as visitas é feio. - e saiu-
Ual. Minha boca deveria estar em um perfeito ó. Eu queria saber da verdade quem era o Natan, afinal ele se demonstrou ser diferente na hora da janta, e agora aqui se mostrou outra pessoa, ou quem ele realmente era.
Alguns dias depois....
Alguns dias se passaram, eu ainda estava no castelo, Madame Smith não havia dado sinal de vida, e eu já estava afim de ir no castelo dos bruxos Kellers e pedi para eles me ajudarem, mais Justin sempre vinha com aquele papo de que "tem que ter hora marcada". Eu e Justin estávamos nos dando bem, não discutíamos mais, eu podia afirma que agente é amigos agora. Amélia era uma grande amiga, construir uma grande amizade com ela. Eu já estava acostumada a estar cheia de vampiros em minha volta, o único que me dava medo era Natan, eu ainda não tive coragem de perguntar para Amélia o por que dele e Justin se odiarem, Natan era irônico, e muito mal, nesse dias que tive aqui, ele tentava se aproximar e eu seguia a dica de Justin, apenas me afastava, Justin me disse que ele era mal e que era para mim continuar me afastando dele, e quando eu fui perguntar o por que de Natan ser mal, Amélia me interrompeu me chamando no quarto e me mostrando algumas roupas que ela tinha separado para mim. E que roupas, comentei que eles usavam vestidos compridos? Sim, vestidos compridos e lindos, mas muito complicado, então Amélia me ensinou como colocar aquilo. E acredite aqueles vestidos era apenas para ficar em casa, e depois ela me trouce uns que era quando tivesse uma ocasião especial, e eram ainda mais lindos.
Era seis horas da tarde quando eu estava no meu quarto sem fazer nada, Justin iria andar a cavalo com seu pai e Natan (apesar de não se darem muito bem), Pattie estava lá em baixo sei lá o que ela tava fazendo, e Amélia....
- O que você está fazendo deitada ai Amanda? - amélia entrou que nem um furacão no meu quarto.
- Descansando? -perguntei como se fosse óbvio
- Você ainda não sabe? - fiz que não com a cabeça - Hoje temos uma festa aqui no castelo, Pattie já esta preparando tudo lá em baixo e já já vai começar a se arumar.
- Festa? Justin não me disse nada. Mais qual o motivo da festa? -eu perguntei
- Ah, hoje é o aniversário de Natan. -ela falou 
- Por isso Justin não me disse nada. Quantos anos ele faz? -perguntei
- 21 anos, agora vamos se arrumar -foi em direção ao meu guarda roupa- Que vestido você vai usar?
- Não sei, - me levantei- que vergonha eu vi ele hoje no café da manhã e no almoço e não dei feliz aniversário.
- Mais agente só dá feliz aniversário na festa Amanda -ela disse.
- Sério? 
- Sim -ela falou. Ah claro estavamos no século 14, aqui tudo é diferente.
Ouvimos conversa lá em baixo e passos no corredor.
- Acho que Justin chegou, com certeza ele vem aqui, vou no meu quarto tomar um banho me vestir e depois venho me maquiar aqui com você ok? -assenti-
Ela saiu e não deu 1 minuto e Justin entrou. Eu estava de costa para ele, olhando para o guarda roupa a procura de uma roupa, para hoje a noite.
- Não me disse que era aniversário de Natan -eu comentei
- Me esqueci - ele disse e eu me virei
- Se esqueceu do aniversário do próprio irmão?
- Não temos uma grande amizade -ele falou e sorriu
- Por que?
- Te vejo na festa Amanda - ele foi até a porta a abriu e saiu, me deixando com minha pergunta.
Depois de tomar um banho e já estar vestida com um vestido muito lindo.

Sai do banheiro e Amélia já estava no meu quarto com um vestido lilás bonito também.
- Ual, Amanda, você ficou ainda mais bonita do que Catarina -ela disse
- Catarina? Quem é? -perguntei
- Vamos terminar de se arrumar, e depois da festa te conto -o relógio romano na minha comoda marcava que era sete e meia da noite - vamos, temos meia hora ainda para se arrumar, festa começa as oito.
Assenti, ela abriu uma malinha, e dentro tinha umas maquiagem, bom...maquiagem do século 14, por que ali não tinha rimel, delineador, apenas uma sombra, batom, e um toco de lápis que eu creio que seja lápis de olho. Lápis de olho no século 14? Sério?
Começamos nos arrumar e depois de um tempo já estavamos arrumadas, coloquei o sapato que Amélia me emprestou, era lindo. Ela colocou o dela e saímos do quarto, quando estávamos desemos chegamos no salão e logo atraímos o olhar de todos.
- Estão todos nos olhando -falei para Amélia
- Errado, estão todos olhando para você. - ela falou sorrindo
---------------------------------------------
Continua | 3 comentários
----------------------
Oii amores <3 Espero que gostem desse capitulo ^^
Respondendo:

Joana Margarida: Que bom que gostou flor ^^ Continuei
Mirela Gaspar: Continuei amore <3
Lara Santos: owwn muito obg amor ^^ continuei 
-------------------------------------
E ai o que acharam da fic? Espero que gostem em ^^ 
Beijos amo vocês <3

3 comentários:

Hey amores cada comentário seu é importante para mim, com o seu comentário posso saber o que precisa melhorar na Fan fic, comentem é muito importante para mim <3