29 de jun de 2014

Cities of Vampires | Capitulo 6 |

Amanda p.o.v
Eu estava curiosa para saber o quem era essa Catarina, pelo jeito Amélia não gosta muito dela, e eu queria saber o por que, o que essa garota tinha feito, e por que eu estou usando um vestido dela?
- Tudo começou a seis anos atrás, os bruxos Kellers tinham uma filha....
- Espera, tinham? -eu perguntei
- Amanda, eu posso falar? - Amélia perguntou 
- Ah, desculpa
- Bom como eu estava dizendo.... eles tinham uma filha chamada Catarina, ela tinha seus 18 anos, cabelos lisos, iguais ao seu, olhos assim como os seus, corpo identico ao seu, apenas alguns traços do rosto dela era diferente, a beleza dela atraiu Justin e Natan como um feitiço, em um baile para comemorar a união entre os vampiros Biebers e bruxos Kellers, ela se aproximou deles, conversaram, conversaram até que os dois se curvaram ao mesmo tempo pedindo para dançar com ela, mais ela não ficou em dúvida como você, ela simplesmente puxou os dois para dançar com ela, e depois desse dia os três se aproximaram mais. Mas na verdade o que meus irmãos não sabiam eram que estava sendo enganado, enganados por Catarina, ao mesmo tempo que ela estava com Justin, ela estava com Natan, os dois não sabiam disso, até que um dia ela reuniu os dois na sala, e revelou tudo, revelou também que Justin e Natan não passava de uma diversão, e que naquele momento ela ia ser feliz com o verdadeiro amor dela, que era um soldado humano.
- E você pensa que isso pode se repetir... comigo? -eu perguntei assustada
- Mesmo você não querendo, pode. -Ela disse
- Não, eu não sou a Catarina, agora eu entendo o motivo deles se odiarem tanto.... foram apaixonados pela mesma mulher.
- Apaixonados? Amanda aquilo não era amor era uma ilusão que eles tinha com ela, um amor platônico. -amélia disse
- Eu não vou ser igual ela, eu não estou interessada em nenhum dos seus irmãos Amélia, eu só queria voltar para casa -eu disse abaixando a cabeça
- Ei, espere agente ainda vai ir la nos bruxos Kellers para saber o que ta acontecendo ok?
- Tudo bem. -eu sorri- ei já que você ta me contando coisas sobre o passado poderia explicar esse lance de todos vampiros odiarem os lobos ou vice versa. 
- Lance? -ela perguntou. Me lembrei que estavamos no passado.
- Sim, o por que.
- Ah claro... Bom Pattie minha mãe adotiva, era uma loba da realeza, e Jeremy um vampiro da realeza e naquela época os vampiros e os lobos se davam bem, mais Jeremy e Pattie se apaixonaram e resolveram por isso em público, mais assim que souberam os lobos e os vampiros se irritaram e deixaram bem claro, que se eles casassem lobos e vampiros se tornariam inimigos, mais o amor deles era tão forte, que eles casaram e bem.... todos odiaram e lobos e vampiros viraram inimigos, Pattie e Jeremy tiveram Natan e Justin e logo depois Jeremy transformou Pattie em vampira para viver sempre ao seu lado.
- Nossa.... Ah história deles é linda -eu disse
- Claro, eu sempre digo isso para eles. -Amélia disse sorrindo.
Uma coisa não saia da minha cabeça desde que Amélia me explicou a história de Catarina, aonde ela estava nesse momento? Quero dizer, ela tinha ido viver feliz para sempre com um soldado humano, mais nunca mais ninguém soube dela?
- Amélia, vocês nunca mais tiveram noticias da Catarina?
- Graças a Deus não, ela nos esqueceu....eu espero -ela disse - Acho que já estão sentindo nossa falta, vamos voltar.
- ok 
***
A festa havia acabado, depois quando voltamos para lá e não me aproximei de Justin e nem mesmo de Natan, algo que eu nem sabia o por que, afinal eu não era Catarina e muito menos queria algo com Justin ou Natan, eu apenas queria voltar para minha casa, minha cama, e ver que isso foi tudo um sonho.
Eu estava no meu quarto, havia acabado de colocar uma camisola, sim no século 14 eles dormiam de camisola, mais é claro que não eram iguais a do século 21, elas eram antigas, a camisola ia até um pouco mais acima do joelho, e era da cor branca.
Era bom estar livre daquele grande vestido, eles eram horriveis para caminhar.
- Amanda - Justin entrou no quarto me chamando, me virei- ah, eu não sabia que você já estava pronta para dormir... d-escul-pa -ele disse meio que se embolando nas palavras e olhando para minhas pernas. Oh merda eu estava de camisola. 
- ah tudo bem, o que você queria? -eu perguntei
- Amanhã eu falo com você, boa noite -ele disse e nem ouviu minha resposta, e foi em bora.
***
Acordei com o sol batendo nos meus olhos, ótimo havia me esquecido de fechar as janelas ontem a noite, acontece que ontem eu demorei um pouco para dormir, a história que Amélia havia me contado, sobre Catarina, rondava meus pensamentos, por qual motivo uma garota enganaria dois homens? Eu não acreditei nessa história de apenas por diversão, ela com certeza queria alguma coisa e não achou, ou talvez algo assim.
Levantei, e fui a procura de um vestido para mim usar, optei por uma mais simples, que não precisava daquelas armaduras em baixos e aquelas frescuras toda, ele era azul claro, com algumas pedrinhas brilhantes e ia até os pés como todos os outros, sai do quarto, e caminhei em direção a cozinha.
- Estávamos esperando você para o café querida -Pattie, simpática como sempre falou
- Bom dia -eu disse sorrindo.
- Bom dia adormecida -Amélia falou sorrindo e apontando a cadeira ao seu lado para mim sentar, assim fiz.
- Um ótimo dia para você principalmente Amanda -Jeremy falou- Madame Smith mandou nos comunicar que aparecerá aqui de tarde para falar com nós.
- Oh meu deus, isso é ótimo -eu disse feliz
- E com certeza ela descobriu o que esta acontecendo com você -Justin disse.
- Sim, mais eu não iria falar com os bruxos Kellers? -eu perguntei
- É melhor saber o que Madame Smith irá nos falar, para depois ir falar com os bruxos Kellers - Natan disse
- Natan está certo querida -Pattie informou, servindo café para mim.
***
Eu estava ansiosa para saber o que Madame Smith iria nos falar, eu estava definitivamente tensa com tudo isso, e se ela não achasse nada? E falasse que eu teria que viver aqui, no passado. 
Depois de almoçar, todos estávamos reunidos na sala conversando, na verdade eles estavam conversando, por que eu estava quieta, no meu canto. O silêncio se formou na sala quando ouvimos a campainha tocar.
- Madame Smith chegou -Justin disse e foi até a porta a abrindo.
--------------------------------------
Continua | 3 cometários 
------------------------------
Oi amores ^^ desculpa toda essa demora tava com uns problemas pessoais e cheia de trabalhos escolares, sim minhas férias não começaram ainda :( To muito feliz que consegui 5 comentários no capitulo anterior muitoo obrigada
----------------------------------
Respondendo:
Joana Margarida: Que bom que gostou flor ^^ espero que gostem desse capitulo <3
Lara Santos: ownn thanks amore <3 continuei
Mirela Gaspar: Que bom que gostou flor :) owwn muito obg continuei já :)
Luuh Alberti suhaushuahs thanks flor continuei :)
Beaah fonseca: \o/ seja bem vinda amore :) vou divulgar sim <3
---------------------------------
Divulgando:
------------------------
Espero que gostem beijos amo vocês <3

3 comentários:

  1. *Leitora nova* nossa sua fic ta d+ comecei a ler ontem, eu achei sua página por que a Letícia q ta fazendo Angels of elvil, ela público sua fic e adorei :)

    Eu procuro e procuro fic sobrenaturais no caso de vanpiros, e não acho, e agora achei a sua. Realmente adorei. To doida pra ver o próximo capítulo.

    Continua bjs ♡♥♡♥♡♥

    ResponderExcluir
  2. Leitora nova, continuaa amor, está perfectu, suas ibs são incríveis, ameii

    ResponderExcluir
  3. Leitora nova -Também-..Nossa realmente essa história está bem feita,o que eu achei mais legal é que nessa fic tudo tem seu tempo.Já li muitas fic's que seriam tipo "Olhei aqueles olhos castanhos e me apaixonei" no dia seguinte "Eu o amo,como poderia viver sem ele"..Ela ainda não está pensando em se apaixonar e isso torna a história interessante..Bom vou calar meus dedo,Sua fic esta muito boa continue.

    ResponderExcluir

Hey amores cada comentário seu é importante para mim, com o seu comentário posso saber o que precisa melhorar na Fan fic, comentem é muito importante para mim <3